23 setembro 2015

Por que ser diferente é legal?


     Na faculdade acabamos entrando em tantos temas que é dificil limitar-me a pensar apenas em momentos dentro da sala ou do teatro. Outro dia, acabamos falando sobre como as pessoas são iguais. Se estão em um mesmo grupo, mesma cultura, passam a utilizar roupas, maneiras, estilos e falas como todos o que pode por muitas vezes, não representar o que a pessoa realmente é, mas apenas rotula-la como aquilo. E indo mais longe, isso não é simplesmente decidido pela pessoa "quero me parecer assim", normalmente ele é inserido de forma inconsciente sem ter nem opção de escolha
     Pensando sobre como mostrar a vocês que o diferente pode ser legal e tentando cavar buracos maiores dentro de mim mesma, dei-me conta que EU, euzinha aqui sou mera cópia do que muita gente espera que eu seja. Nas aulas práticas eu tento ir de preto, porque todos vão e cenicamente é mais bonito e limpo. Quando eu ia sair com minhas amigas, fazia tal tipo de make porque era a maquiagem ditada. Eu na verdade comecei a mudar a um tempinho (já lhes conto) e sinto que a cada dia os céus e os Deuses me disponibilizam mais informações e conhecimentos para ter plena certeza de que eu posso e devo ser quem eu sou na hora e onde eu quiser.
    A história resumida: ia eu para uma balada, dei de cara com uma loja indiana e um vestido maravilhoso, tive a ideia de usa-lo para a balada, compartilhei com minhas amigas, a amiga que ia comigo disse que aquilo não tinha nada haver com balada, esse simples comentário dela fez com que eu entrasse em um colapso e me colocou tão pra baixo que eu quase nunca mais usei o vestido, compartilhei em um grupo de garotas no facebook, fui incentivada por elas e pela minha mãe, resolvi usar o vestido e ver no que dava, fazendo meus pais me prometerem que se fosse preciso eles iriam me buscar lá na pqp, fui de vestido, arrasei e percebi que quem se incomoda somos nós mesmos e não os outros. Naquela noite, recebi vários elogios e atrai pessoas que queriam ficar comigo por quem eu era (o vestido, o cabelo, a maquiagem era natural e do jeito que eu gostava), puff, conheci pessoas que mantenho contato até hoje e tudo por conta de que eu resolvi ir do jeito que eu queria ir, ou seja, sendo eu. 

     Então, com base nas experiências que vim criando após isso, fez com que eu tivesse mais e mais vontade de mostrar para você o quanto ser diferente é bom. E eu digo diferente no sentido de ser você mesmo. Você é um ser único então por mais que pareça-se com alguém, tenha certeza que foi apenas em uma característica, mas de resto, você, é só você e a pessoa não chega a 1/1000 do que você realmente é.

Você surpreenderá



 Quando você é você mesma, você surpreende. Pois sendo você, já é ser diferente do que qualquer outro e isso torna suas atitudes totalmente inesperadas por qualquer um. E isso pode ser ótimo, pois você pode surpreender a cada instante.

Leveza e Paz

 São esses os sentimentos e sensações que você tem ao assumir seu próprio carater. Fica mais fácil viver, tomar decisões quando você olha pelo seu ângulo, pelos seus interesses e não pelos dos outros. A leveza vem porque você realmente sente-se leve sem ter a necessidade de forçar uma atitude ou jeito que não são seus, a paz, é consequência.

Originalidade


 Não preciso nem falar muito não é? Quando somos nós, somos originais pelo simples motivo de que por mais parecido que somos com alguém, nosso DNA não é o mesmo. Então, sempre haverá algo em você que será original, diferente e acredite: legal.

Respeito

 Acontece que quando fingimos ser outro, ou tomamos atitudes que não são nossas as pessoas instintivamente percebem e podem "subir em cima", se aproveitarem da insegurança que gera em nós mesmas e isso em diversas situações, fazendo que você fique na "mão dela". Quando você assume seu carater, não tem quem o faça mudar, as pessoas novamente percebem e sentem respeito por você, já que suas atitudes, sua forma e suas palavras são sinceras e objetivas. Isso cativa, gera respeito, afinal, quem irá controlar alguém que é tão segura do que é importante para você mesma?!

Auto conhecimento

Fonte

 O mais óbvio, nos conhecer torna-se mais fácil. Você sabe seus limites e consegue controla-los, você não é falsiane com outros e nem consigo mesma. É tão lindo conhecer-se. Você cria noção do seu corpo, das suas atitudes, dos seus pensamentos e isso faz com que você realize o próximo ítem da lista.

Sonhos realizados

 Pois é, muitos sonhos não são nossos, são dos outros, são da midia, são de qualquer pessoa menos nosso. É tão fácil colocar na nossa cabecinha que para sermos felizes temos que fazer X que nos perdemos, ficamos confusas e ao final, não chegamos a lugar nenhum e se chegamos, o fazemos com uma infelicidade gritante. Mas quando ligamos nosso "FODA-SE" para o que os outros querem que pensamos, acabamos tomando as decisões certas, nos conhecemos, nos entendemos e simplesmente nos encontramos e realizamos nossos sonhos de forma feliz.

 Com certeza existem mil outras razões do porque ser diferente, ser VOCÊ MESMA é legal! Que tal você, ao descobrir-se, colocar aqui nos comentários o que essa mudança (ou reencontro) o que foi mais LEGAL nisso tudo?! Aguardo ansiosa pelo seu comentário! 


3 comentários:

  1. Nada como se conhecer, né, Bruna? Não que seja fácil perceber que você age de determinada forma só porque é o que esperam de você...
    Nunca vou esquecer uma vez em que a irmã de um carinha por quem eu estava a fim na oitava série (Santo Cristo, há uns 12 anos!) me falou que eu só iria conseguir ficar com ele se usasse rímel e lápis no olho. Oooooi? Então eu tinha que mudar quem eu era? Desculpe, cara, parti pra outra. Quem Ainda estou nessa fase de autoconhecimento, mas talvez mais importante do qeu saber do que gosto, já sei do que não gosto.gosta de mim gosta exatamente pelo que eu sou, não preciso mudar.
    Gostei muito do seu post! Um beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OMG, Rímel e lápis no olho?? Mas que coisa tosca kkkkkkkkkk olha, você sempre foi muito madura então porque eu, na oitava série iria utilizar lápis e rímel por conta disso... AInda bem que evoluimos e aprendemos sempre né?!

      Também estou na fase do autoconehcimento, me descobrindo...

      Abraços de luz!

      Excluir
  2. Post cativante kkkkkkkk. Meus parabéns pela autodescoberta :)

    ResponderExcluir

analyticstracking.php

About Us


Bruna Della, 19, brazilian, drama student, blogger and capricorn. Believe that can change the world with smiles. Blog Cappuccino E Bobagens is a personal space where I can talk about places, products, woman things and projects that help the world. If you have some suggestion, please, send us an e-mail: cappuccinoebobagens@gmail.com Cappuccino E Bobagens // Cappuccino And Stuffs

Recent

recentposts

Random

randomposts